OCEMG / SESCOOP / MG

Notícias

17/03/2020
Aulas do Educa OQS são iniciadas em Belo Horizonte

Teve início, nos dias 11 e 12 de março, na Casa do Cooperativismo Mineiro, as aulas da turma de 2020 do Programa de Formação e Acompanhamento da Organização do Quadro Social das Cooperativas Mineiras (Educa OQS).

Os trabalhos contemplaram cerca de 35 participantes de cooperativas dos ramos Crédito, Saúde e Agropecuário, com ferramentas para a implementação de projetos de educação cooperativista com foco na aproximação junto aos cooperados.

A programação contou com apresentações do conteúdo e do programa para o grupo, além de uma sessão do Cine Ocemg, com o filme Os Pioneiros do Rochdale.
O analista da Gerência de Desenvolvimento e Monitoramento de Cooperativas do Sistema Ocemg Ansencléver Junior conduziu os trabalhos com a turma. Segundo ele, o programa joga luz em um tema indispensável para a gestão cooperativista: a valorização do cooperado. "As cooperativas precisam conhecer seus públicos e trabalhar o que elas têm de mais valor, que é o seu quadro social", frisou.

Os participantes reafirmaram que seu foco é trazer os associados para mais próximo. "O relacionamento com o cooperado é um desafio grande para nós este ano. Vamos tentar uma aproximação, visto que temos um baixo número de participação nas assembleias", comentou a superintende da Unimed Barbacena, Maria de Fátima Pereira.

A participação de dirigentes no programa é muito importante para a valorização e continuidade do trabalho de OQS. É o que ressalta Rosalvo Araújo Cunha, presidente do Sicoob Arcomcredi, de Arcos. "Acredito que quanto mais conselheiros e diretores participarem de iniciativas como essa, melhor, porque de nada adianta você delegar um trabalho e não acompanhar. Fiz questão de vir para conhecer melhor e vislumbrar no dia a dia o que está sendo realizado pela equipe", frisou.

O ramo Agro tem peculiaridades em relação ao acesso ao quadro social devido à distância entre os cooperados. E a Cooxupé, maior cooperativa de café do país, está investindo nesse trabalho. "Pelo número de cooperados que registramos - hoje são aproximadamente 15 mil, temos o foco em aumentar a participação desses associados, fazendo com que não vejam a cooperativa como apenas mais uma opção, mas que tenha o sentimento de pertencimento da cooperativa", explicou o coordenador de Desenvolvimento Técnico da Cooxupé, Eduardo René da Cruz.

O programa contribui também para a formalização e metodologia de inciativas de OQS que não eram sistematizadas. "Fazíamos alguns trabalhos pontuais, mas nada que perdurou. O Educa OQS vai contribuir para que façamos dessas ações de educação cooperativista algo permanente", complementou Sullivan Resende, agente administrativo do Sicoob Copersul, de Três Pontas.

Reformulado em 2015, o Educa OQS foi criado com foco nas demandas das cooperativas de integrarem, cada vez mais, os cooperados ao cotidiano das organizações. A carga horária do programa é de 80 horas, divididas em cinco módulos realizados em Belo Horizonte.

PUBLICAÇÕES

SOBRE

O Sistema Ocemg é formado pela Ocemg, entidade de representação política e sindical patronal das cooperativas no Estado, e também pelo Sescoop-MG, responsável pelas atividades de formação profissional, monitoramento e promoção social do setor. Atua em benefício do crescimento e desenvolvimento do cooperativismo mineiro, orientando as cooperativas na busca por uma gestão cada vez mais eficiente, que impulsione o crescimento socioeconômico do Estado.

Este site é assinado por: Bhtec e:house
Sistema Ocemg        
Rua Ceará, 771 - Funcionários - Belo Horizonte-MG - CEP: 30150-311
Telefone: (31) 3025-7100
Horário de Funcionamento: Segunda à Sexta: 8:30h às 17:30h