OCEMG / SESCOOP / MG

Notícias

28/11/2018
XV Encontro de Contabilidade debate sobre escrituração digital

Noventa e três pessoas marcaram presença no XV Encontro Estadual dos Profissionais de Contabilidade das Cooperativas de Minas Gerais, realizado pelo Sistema Ocemg no dia 27 de novembro. O grupo debateu as novidades em escrituração digital, o contexto e os desafios do momento, assim como a gestão de indicadores de desempenho.

Sobre a responsabilidade que os contadores das cooperativas possuem no seu cotidiano de trabalho, o presidente do Sistema Ocemg comentou: "existe um provérbio que diz 'quando o dinheiro entra, o bom senso sai'. É importante que todos tenhamos bom senso antes de qualquer decisão que envolva os bens das nossas cooperativas, pois, só assim, teremos um cooperativismo e o país melhores".

A consultora e assessora especializada em interpretação da legislação tributária, Luciane Lagemann, foi convidada a abordar o que há de novo em relação ao Sistema Público de Escrituração Digital (SPED), que é o instrumento que unifica a recepção, validação, armazenamento e autenticação dos livros de escrituração fiscal e contábil das empresas.

Com cerca de 15 anos de consultoria para cooperativas, a especialista falou que as dúvidas sobre o tema podem se repetir nas organizações. "As questões costumam ser comuns, mas não podemos esquecer que cada uma possui suas peculiaridades e o que se aplica para uma cooperativa, não necessariamente vai ser aplicável a outra cooperativa", alertou.

Segundo Luciane, "é preciso fazer valer aquilo que foi estudado na faculdade de Ciências Contábeis, que é usar nossos conhecimentos em prol da gestão, deixando o operacional para as máquinas".

Na mesma linha, o analista da Gerência de Desenvolvimento e Monitoramento de Cooperativas Dael Costa apresentou o Programa de Acompanhamento Econômico-Financeiro das Cooperativas (GDA) e falou sobre os benefícios da gestão de indicadores de desempenho.

"Os números e dados por si só não fazem diferença, precisamos pensar se eles estão adequados para a estratégia da nossa cooperativa e com os nossos objetivos", frisou Costa sobre os indicativos.

"Na Federação, hoje, temos uma visão completamente voltada para a gestão. Temos metas e propostas para conseguir melhorar a questão tributária de cada singular, além de metas contábeis e de assessorias para melhoramento da organização", explicou Thamires Pinheiro, assistente Fiscal e Tributária da Unimed Federação Minas.
Miro Funchal, gerente administrativo da Cocatrel, de Três Pontas, comentou que as mudanças da legislação no setor contábil são muito dinâmicas, portanto é preciso ficar atentos para se manterem em concordância com o que é cobrado pelo governo.

"As mudanças no SPED fiscal, por exemplo, foram bastante abordadas no encontro e isso foi muito proveitoso para nós, profissionais que atuamos na contabilidade das cooperativas", ressaltou Lúcio Arantes, encarregado administrativo e financeiro da Cooprata, da cidade do Prata. 

De acordo com a contadora da Coopertinga, de Formoso, Noeli Godoy, tudo o que foi visto no encontro faz parte da realidade das cooperativas, além disso, as dúvidas em comum contribuíram, na opinião, dela, para elucidar questões que já haviam sido debatidas pela equipe da organização. "O Sistema Ocemg, ao organizar esses eventos, tem um papel muito importante de promover a interação entre nós, profissionais, que esclarecemos algumas questões e, ao mesmo tempo somos motivados a melhorar nas nossas áreas", disse.

Pontuação para o CRC-MG

Em 2018, o Sistema Ocemg, por meio do Sescoop-MG, foi certificado como órgão capacitador dos profissionais pelo Conselho Regional de Contabilidade de Minas Gerais (CRC-MG). Os cursos para contadores começaram no segundo semestre, tendo sido três treinamentos e o encontro setorial pontuados pela organização.

A vice-presidente de Ética e Disciplina do CRC-MG, Suely Maria Marques de Oliveira, que marcou presença no XV Encontro Estadual dos Profissionais de Contabilidade das Cooperativas de Minas Gerais, ressaltou a parceria com o Sistema Ocemg e o objetivo das organizações com esse trabalho. "É uma honra para nós participar do evento. No CRC-MG, temos como umas das nossas missões desenvolver os profissionais. Somente com o aprimoramento técnico seremos capazes de driblar os problemas e atingir resultados", frisou.

 

PUBLICAÇÕES

SOBRE

O Sistema Ocemg é formado pela Ocemg, entidade de representação política e sindical patronal das cooperativas no Estado, e também pelo Sescoop-MG, responsável pelas atividades de formação profissional, monitoramento e promoção social do setor. Atua em benefício do crescimento e desenvolvimento do cooperativismo mineiro, orientando as cooperativas na busca por uma gestão cada vez mais eficiente, que impulsione o crescimento socioeconômico do Estado.

Este site é assinado por: Bhtec e:house
Sistema Ocemg        
Rua Ceará, 771 - Funcionários - Belo Horizonte-MG - CEP: 30150-311
Telefone: (31) 3025-7100